sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Samba de Bamba encerra temporada com Wanderley Monteiro

Wanderley Monteiro | Foto: divulgação
O sambista carioca e compositor da Portela se apresenta dia 27 de dezembro, no Teatro da Caixa Cultural

Wanderley Monteiro, grande compositor do samba e da MPB, que se consagrou com os sucessos Água de Chuva no Mar e Vida de Compositor, gravados pela madrinha Beth Carvalho, é a última atração do projeto Samba de Bamba, dia 27 de dezembro, às 20h, no Teatro da Caixa Cultural, no Bairro do Recife. Os ingressos têm preços populares, a partir de R$ 10 (serviço abaixo).

Acompanhado por um quarteto musical formado por importantes músicos do Rio de Janeiro, como o multi-instrumentista Alaan Monteiro, Wanderley traz no repertório composições próprias e ainda clássicos de João Nogueira, Nei Lopes, Wilson Batista, Noel Rosa, Roberto Ribeiro e outros grandes mestres do samba. 

Com dois CDs lançados Vida de Compositor e Consagração, o cantor, que pertence à ala dos compositores da Portela e na escola de Madureira venceu a disputa do samba-enredo para os carnavais de 2009, 2011, 2012, 2013 e 2016, é constantemente convidado para se apresentar nas principais casas do Rio de Janeiro, incluindo o Teatro Rival, Sala Funarte, Carioca da Gema, Rio Scenarium e Centro Cultural Carioca. Em São Paulo, já realizou shows no Sesc Pompéia, Sesc Consolação, Sesc Ipiranga, Fnac Paulista, Centro Cultural São Paulo, Bar Samba, Traço de União, Villaggio Café, dentre outros lugares.
 
Trajetória - Na década de 80, Wanderley Monteiro tocou em bares da zona sul do Rio de Janeiro e aos poucos foi conhecendo as rodas de samba da cidade. Seu primeiro passo como compositor de samba-enredo aconteceu na São Clemente. Foi lá, inclusive, que após perder uma disputa na agremiação, brotou a inspiração para a música “Vida de Compositor”, composta em parceria com Álvaro Maciel, e gravada por sua madrinha musical Beth Carvalho no CD Brasileira da Gema.
 
Em 1998, passou a ser convidado para participar como músico e cantor das festas populares promovidas pela prefeitura do Rio, como o Carnaval e o Réveillon. Já em 1999, passou a fazer parte da mais tradicional roda de samba carioca, o Candongueiro. Na casa, teve a oportunidade de tocar ao lado de consagrados sambistas, como Nei Lopes, Dona Ivone Lara, Wilson Moreira, Nelson Sargento, Arlindo Cruz, dentre muitos outros.

Serviço:
Samba de Bamba”, com Wanderley Monteiro
Terça, 27 de dezembro, às 20h
Teatro da Caixa Cultural - Av. Alfredo Lisboa, 505 – Praça do Marco Zero
Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia) – à venda a partir das 10h do dia do show na bilheteria
Informações: (81) 3425-1915


Nenhum comentário:

Postar um comentário