II Encontro das Artes Cênicas de Camaragibe - 2019, inicia hoje

Evento indaga o que é um espaço de arte em tempos de censura e crise, com
apresentações de espetáculos adultos, infantis, oficinas, roda de debate e lançamento de livro. 

O II Encontro das Artes Cênicas de Camaragibe apresentará uma diversificada programação de peças infantis, adultos, performance, roda de debate, oficinas e lançamento do livro Bianor Trajetórias e Memórias no município de Camaragibe, localizado na Região Metropolitana do Recife. As apresentações acontecem na Casa Pós, na Praça do Guarany e na Escola Técnica Alcides do Nascimento Lins. A programação conta com espetáculos infantis e adultos.

O II Encontro das Artes Cênicas de Camaragibe é realizado pelo Pós -Traumático Coletivo, de forma independente sem apoio governamental. A primeira etapa do II eacc será realizado  de 05 a 08 de novembro com as oficina de serigrafia Nua e Crua com o comunicador social e artista visual Gus Cabrera e a oficina  Ator Performer e o Ator Trabalhador ministrada pelo ator e diretor Charles Firmino, a segunda etapa terá sua divulgação em breve nas redes sociais do Encontro das Artes Cênicas de Camaragibe.

O I  Encontro das Artes Cênicas de Camaragibe surgiu no ano de 2017, tendo como palco principal o Cine Teatro Bianor Mendonça Monteiro, o primeiro encontro gerou importantes laços entre a cena artistica local, o dialogo com a gestão municipal e uma importante parceria junto ao departamento de Arte da UFPE. Naquele ano movimentou diversas atividades entre elas o curso de produção cênica, onde jovens de comunidades carentes do município tiveram a oportunidade de se capacitar e ingressar no mercado de trabalho.  

O intuito do II Encontro das Artes Cênicas de Camaragibe é indagar o que é um “Lugar de Arte” em tempos de crise e censura, e qual o papel dos órgãos de gestão pública para a arte e cultura!? Democratizar o acesso a cultura tornando as artes cênicas mais acessível em Camaragibe, contribuindo para formação de público e transformações sociais e políticas.

A programação do II Encontro das Artes Cênicas de Camaragibe será formada por espetáculos adultos, infantis e performances de forma gratuita e a preços populares.

Sobre a curadoria – ISTO É UM LUGAR DE ARTE?

A Comissão Curadora do II Encontro das Artes Cênicas de Camaragibe  é formada pelo ator e produtor cultural Ângelo Fábio e pela atriz e produtora Paula de Tássia.
A seleção dos espetáculos e performances a serem apresetadas no II eacc, tem sido através de convites a grupos e artistas cujas obras rebate a atual conjuntura nacional, bo parte das obras tem uma importante conotação politica e de reinvidicação social, já outras passam por experiencias estéticas e sensoriais.  Uma avalanche de conservadorismo a cada dia vem 

conquistando espaços e arte e cultura tem sido uma das principais miras pra ofensiva das instituições conservadoras. Atualmente obras artisticas vem sendo alvo para os atos de 

intolerância e censura. O Brasil, vem avançando em constantes retrocessos, e com isso a gerado uma cadeia desenfreada de subdesenvolvimento afetando toda uma rede de economia da cultura, sobretudo a grupos e artistas independentes. Hoje os espaços de cultura não recebem mais subsidios do governo federal, cada vez mais os cortes de verbas e aberturas de editais no campo das artes cênicas é minoritario, por estes motivos uma onda de desanimo tem tomado é um protagonismo, mas por outro lado grupos e artistas tem se unido pra seguir em frente e combater tamanho descaso.
Quando observamos/comparamos o inicio do século XXI com os dias de hoje, segue estampado em nosso fronte um país onde as lideranças politicas e reacionárias veem os artistas como constantes ameaças para “a ordem e os bons costumes”. O que antes provocava reflexões, encontros, disparidades estéticas, oportunidade de emprego, renda, diversão e formação de paltéia, hoje estamos nos limitados e no fronte a reestabelecer o cuidado e manutenção dos nossos direitos adiquiridos e mesmo assim conseguimos arrancar risos e alegrias de muita gente. Há tão pouco tempo presenciavamos os mais distintos espetáculos sem maiores tensões, no agora temos de preservar nossas vidas. Grupos conservadores saíram do armário e agora sentem-se a vontafe de ir nas casas de espetáculos escrachar e atirar pedras naqueles que expressam algo distinto dos seus pensamentos e valores, os censores em muitos casos são os que estão morando ao nosso lado apoiando posicinamentos fascistas. A especulação da fé e a mercantilização de um “deus salvador”, que adoece e desce dos céus com promessas milagrosas de que num dia qualquer seus fiés chegarão ao paraíso com carros luxuosos e armas em punho, mas para isso tem que exterminar o que teanto vos ameaçam. A ARTE.
A censura tem nome e endereço certo e elas encontra-se nas “pessoas de bem”.
O território das Artes Cênicas é um imenso leque de possibilidades que abrange um importante campo interdisciplinar, que nos possibilita a transformação de olhares e a (re)significação afetiva entre as pessoas, a cidade, a cadeia da economia da cultura, a troca de experiências e a construção de novos diálogos e estéticas. 

O 2º Encontro das Artes Cênicas de Camaragibe nesta edição traz como tema: “Isto é um Lugar de Arte?”. Aqui nos perguntamos: o que é, como é, qual a maneira mais democrática de abordar os espaços? Uma certeza temos: Lugar de ARTE pode ser em qualquer lugar! O EACC vem com indagações, provocações e abertura de portas, e com isso pretendemos (RE) SIGNIFICAR os mais distintos olhares sobre a cidade de Camaragibe, e trazer para si que aqui não é uma ilha, ou de que estamos ilhados ao acaso. Às vezes mesmo sendo uma opção para muitas pessoas, hoje o esforço para o isolamento e o medo só nos fazem condicionar a inúmeros retrocessos. Estamos passando por um sério e nebuloso momento para as artes cênicas e a cultura do país. O fim do MINC, o sucateamento da Funarte, as constantes perseguições à ANCINE entre tantas outras catástrofes inclusive ambientais.

Nesta casa/templo que são as Artes Cênicas, devemos ocupar e (RE) EXISTIR e não permitir que voltem a nos calar, temos sim, de ir na contramão do sucateamento dos espaços públicos de cultura. No atual momento que o país e sua população vive, devemos ir na contramão dos facínoras, censores e perseguidores da arte e cultura.




SERVIÇO: 
II ENCONTRO DAS ARTES CÊNICAS DE CAMARAGIBE
I ETAPA: De 05 a 08 de novembro de 2019
Local: Casa – Pós – Av. Dr. Pierre Collier, 444, Vila da Fábrica.
Escola Técnica Alcides do Nascimento Lins - Av. Gen Newton Cavalcante, S/N - Vila da Inabi.

NUA E CRUA OFICINA DE SERIGRAFIA ARTESANAL: com Gus Cabrera 
De 05 a 07 de novembro, das 13h30 às 17h30
Local: Casa – Pós -  Av. Dr. Pierre Collier, 444, Vila da Fábrica
Público: Até 12 pessoas, com faixa etária a partir dos 15 anos
Inscrição gratuita até 01/11: https://forms.gle/LfJDFP9Yp1pgwtYHA 

NUA E CRUA OFICINA DE SERIGRAFIA ARTESANAL

Hoje, num contexto de aumento de desemprego, é imprescindivel que os/as jovens possuam a maior quantidade de ferramentas para poder se inserir no mercado de trabalho ou criar seu próprio trabalho. A Nua e Crua - oficina de serigrafia artesanal possibilita que os/as alunos/as aprendam em pouco tempo uma técnica de impressão de baixo custo, simples e sem grandes equipamentos nem ferramentas. De baixo custo porque com um baixo investimento é possível desenvolver toda a técnica. A partir da prática em grupo os/as participantes aprenderam todo o processo da serigrafia, desde a criação da matriz serigráfica até a impressão, e no final serão capazes de criar suas próprias estampas a partir de artes e desenhos próprios.




OFICINA “OFICINA ATOR PERFORMER E O ATOR TRABALHADOR ” com Charles Firmino
De 06 a 08 de novembro, das 14h às 18h
Local: Escola Técnica Alcides do Nascimento Lins  ETE – Camaragibe - Av. Gen Newton Cavalcante, S/N - Vila da Inabi.
Público: Até 15 pessoas, com faixa etária a partir dos 15 anos.
Inscrição gratuita até 01/11: https://forms.gle/z2rZMaBtaFH95f7V6

ATOR PERFORMER
A oficina busca explorar o trabalho do corpo do ator em movimentos e múltiplas formas e possibilidades. Tendo como uma relação à Argila (barro) como relação do nosso envolvimento no desenho que o corpo pode fazer num tecido branco ou em qualquer que seja o ponto de tensão e atenção do ator-performer. Acreditamos que o trabalho do ator-performer seja o que mais amplia as possibilidades criadoras e autônomas no processo do ator, e que esse possa se ver e refletir o percurso como um todo.

SERVIÇO: II ENCONTRO DAS ARTES CÊNICAS DE CAMARAGIBE
Acompanhe o II Encontro das Artes Cênicas pelas redes sociais
Facebook:  https://www.facebook.com/eaccg
Instagram: https://www.instagram.com/pos_traumaticoletivo/ 

Entrada gratuita
Acesse a programação no link https://infoposprojetos.wixsite.com/eacc 

----------------

CONTATOS PARA ENTREVISTAS:   Ângelo Fábio, coordenador e curadoria - (81) 99824-7272 | Paula de Tássia, curadora e  produtora - (81) 98893 - 6158









Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Artistas Digitais: Laís Xavier

Giro Literário infantil: 10 eBooks para suas crianças

Frei Caneca estreia entrevistas por meio de lives no Instagram