Fim de semana repleto de atividades culturais e educativas 

Paço do Frevo

Celebração em forma de passeio pela memória de Dom Hélder Câmara e homenagem a Mestre Nascimento do Passo são algumas das atrações


Olha! Recife celebra, no sábado (24), a memória de Dom Hélder Câmara e pelo bairro da Encruzilhadaum dos fundadores da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil e grande defensor dos Direitos Humanos; no domingo (25), tem passeio a pé para conhecer a história do bairro da Encruzilhada. Paço do Frevo recebe espetáculo solo que homenageia Mestre Nascimento do Passo. Museu da Cidade convida público a conhecer assombrações da capital pernambucana. Econúcleo Jaqueira e Jardim Botânico oferecem trilhas e atividades de conscientização ambiental. Confira o que a cidade tem para você neste fim de semana.



CULTURA


Solo de dança homenageia Mestre Nascimento do Passo

“O Frevo está contido em todas as danças e todas as danças contêm o Frevo”, já dizia Francisco do Nascimento Filho, mais conhecido como Mestre Nascimento do Passo. Pensando nisso, o passista Gil Silva — discípulo do mestre que difundiu nacionalmente a dança do frevo — revisitou suas memórias afetivas de infância e de Carnaval, que incluem seu encontro e trajetória com o próprio Nascimento.


Todas essas experiências resultaram no solo "O Diário de um Passista" e serão apresentadas neste sábado (24), no Paço do Frevo! O show integra a programação regular Sábado no Paço, que acolhe apresentações da dança e música no museu, sempre às 16h. O acesso é gratuito!



Serviço:

Sábado no Paço - O Diário de um Passista

Paço do Frevo, 16h.

Acesso gratuito.

Funcionamento

Horários: Terça (entrada gratuita) a sexta, das 9h às 17h. Sábado e domingo, 14h às 18h (Última entrada até 30 minutos antes do encerramento das atividades do museu).

Ingressos: R$ 10 e R$ 5 (meia)



Endereço: Praça do Arsenal da Marinha, s/nº, Bairro do Recife.

Informações: (81) 3355-9500 ehttp://www.pacodofrevo.org.br/programacao


Museu celebra 120 anos do pernambucano Murillo La Greca 


Filho de um casal de imigrantes italianos, o pintor Murillo La Greca nasceu no dia 3 de agosto de 1899, na cidade de Palmares, região da Mata Sul de Pernambuco. Responsável por produzir obras importantes - a exemplo dos belos afrescos que ilustram a Basílica da Penha, no bairro de São José, no Recife -, ele também foi professor e um dos fundadores da Escola de Belas Artes de Pernambuco, que deu origem ao atual Centro de Artes e Comunicação (CAC) da UFPE.


Para comemorar os 120 anos do artista pernambucano, o museu que leva o nome dele montou a exposição “O que não é desenho?". A mostra de longa duração é focada nos desenhos produzidos por La Greca, e reúne 50 peças pertencentes ao acervo geral, formado por 1400 desenhos.


Museu Murillo La Greca, Rua Leonardo Bezerra Cavalcanti, 366, Parnamirim

Horário de visitação: Terça a sexta-feira, das 09 às 12h e das 14 às 17h

Sábados: 15h às 18h

Agendamento de visitas pelo e-mail: educativommlg@gmail.com

Informações: (81) 3355.3126

@MurilloLaGreca (Instagram) ou Museu Murillo La Greca (Facebook). 



Exposição "Adriana Varejão - Por uma retórica canibal" no MAMAM


O título da exposição faz referência ao vínculo da obra de Adriana Varejão com a tradição barroca. A retórica é uma estratégia recorrente do barroco, sendo um procedimento que busca a persuasão. Se o método rendeu obras e discursos suntuosos e exuberantes, a favor da narrativa cristã e do projeto de colonização europeu, a retórica canibal, ao contrário, se apresenta como um contraprograma, uma contracatequese, uma contraconquista. A mostra ficar em cartaz até o dia 8 de setembro, com visitação aberta e gratuita.



Adriana Varejão – Por uma retórica canibal

Visitação: Até 8 de setembro de 2019.

Terça a sexta, 12h às 18h. Sábados e domingos, 13h às 17h

Quanto: Gratuito

Classificação indicativa: Livre

Museu de Arte Moderna Aloisio Magalhães / MAMAM

Rua da Aurora, 265. Informações: (81) 3355-6870



MEIO AMBIENTE


Econúcleos oferecem diversão consciente e muito aprendizado 

O sábado (24) e domingo (25) serão de programação intensa e gratuita no Jardim Botânico do Recife (JBR), na Zona Oeste da cidade, e no Econúcleo Jaqueira, na Zona Norte da cidade. Os equipamentos de educação ambiental da Prefeitura do Recife, ligados à Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SMAS), oferecerão diversas atividades, dentre elas: caminhadas ecológicas, oficinas de pintura e teatro, contação de histórias e meditação. No sábado, o Econúcleo Jaqueira estará oferecendo atividades a partir das 11h. Já no JBR, a programação se inicia às 13h30, porém mantém as portas abertas para visitação do espaço durante todo o dia.



Confira a programação completa deste final de semana nos Econúcleos:



Jardim Botânico, sábado (24)

13h30 – Vozes do Meio: Sarau Ambiental

14h30 - Oficina de arte “pintando com a natureza”

15h30 – Oficina de Paródia Ambiental



Jardim Botânico, domingo (25)

9h – Caminhada Ecológica: sons e movimentos da mata

10h - Os sons ao redor: vivências ambientais musicais

11h – Oficina de mudas: bombinhas de sementes

13h30 – Caminhada Ecológica: Trilha Cega

14h30 - Contação de história: Cumadre Fulozinha



Jardim Botânico do Recife

BR ­232, km 7,5 - Curado

De terça a domingo, das 9h às 15h30

Entrada: gratuita


Econúcleo Jaqueira, sábado (24)


11h - O Meio que se conta: contação de histórias com miniaturas “As aventuras de Pé  de Pano”

14h – Historias Cantaroladas

15h30 – Apresentação de fantoches “Diga não ao abuso infantil”

16h – Jogo da Memória Ambiental



Econúcleo Jaqueira, domingo (25) 

9h - Meditação com o grupo Sahaja Yoga

14h – Jogo da Memória Ambiental

15h - Oficina de Teatro

10h – Trilha Ambiental Sensorial (trilha cega) + oficina de teatro

11h – O Meio que se conta: contação de histórias “Pedrinho e o Barco”

16h - Dom em: Recife Frio



Econúcleo Jaqueira

R. do Futuro, 959 - Jaqueira

De quinta a domingo, das 9h às 17h

Entrada gratuita

Acesse mais detalhes no link:http://www2.recife.pe.gov.br/node/289652



Olha! Recife celebra Dom Hélder Câmara e promove passeio pela Encruzilhada


O Olha! Recife de ônibus deste sábado (24) levará seus participantes para conhecer um pouco mais sobre a história de Dom Hélder Pessoa Câmara, bispo que tanto inspirou o povo pernambucano e brasileiro. O roteiro passará por locais onde sua imagem se faz presente, como o memorial Dom Helder Câmara, a Igreja das Fronteiras e Igreja da Sé em Olinda, onde se encontra seu túmulo. A saída será na Praça do Arsenal, às 14h.


Também saindo da Praça do Arsenal, às 9h, o Olha! Recife a pé deste domingo tem como destino o bairro da Encruzilhada, região conhecida pelo seu mercado público (datado de 1824), e muito importante para a história do transporte público da cidade. Os participantes terão a oportunidade de saber um pouco mais sobre essas e outras histórias que envolvem esse bairro.


Para participar do Olha! Recife, é necessário se inscrever pelo site www.olharecife.com.br, a partir das 9h, desta sexta-feira (23).



SERVIÇO

Olha! Recife de Ônibus (sábado)

Tema: Circuito Dom Hélder

Dia: 24/08

Hora: 14h

Saída:  Praça do Arsenal (Posto de Informações Turísticas)



Olha! Recife a Pé (domingo)

Tema: Bairro da Encruzilhada

Dia: 25/08

Hora: 9h

Saída:  Praça do Arsenal (Posto de Informações Turísticas)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Bairro da Várzea da exemplo de solidariedade durante a pandemia do Covid-19

HOJE TEM CANTO DE CASA

Artistas Digitais: Ivyson