DELÍRIOS UTÓPICOS EM RECIFE NESTA QUINTA-FEIRA, 29

Abertura Festival da Grande Mãe

Num cenário de incertezas sobre 2019, frente a atual conjuntura brasileira e mundial, vamos unir sonhadores, co-criadores de suas realidades e pessoas interessadas em se reinventar diante da própria existência, para escutar e conversar com Claudio Prado.

Claudio é um visionário! Já compunha a comissão de frente da contracultura dos anos 70, produzindo shows de novidades que se revelariam grandes nomes da música brasileira, como Novos Baianos e Mutantes.

Ajudou a organizar a primeira edição do Festival de Águas Claras, em 1975, tido como a versão nacional de Woodstock. Em Londres, onde viveu no fim da década de 60 para estudar sociologia, semeou amizade com Gilberto Gil (em exílio na época) para, décadas depois, ser convidado pelo então Ministro da Cultura para aconselhar sobre a aplicação da tecnologia digital nas manifestações culturais do país.

A experiência inédita no mundo, baseou numa bem-sucedida parceria que virou referência para diversos governos estrangeiros. Com o objetivo de abrir um diálogo sobre as possibilidades reais diante das iniciativas em grupo, das tecnologias digitais a favor da sociedade, da diversidade e expressões culturais, o paulistano septuagenário abre o Festival da Grande Mãe, nos convidando a olhar o passado e assim, ter uma visão ampla do presente e caminhar para um futuro de forma mais assertiva.

Olhar para o que "deu ruim" em nossas escolhas é uma ótima iniciativa para saber como "dar bom" desta vez diante do que há de vir. Claudio partilha de suas ideias por meio da coluna Delírios Utópicos no canal Mídia Ninja do YouTube e página do Facebook.

Nesta oportunidade, ele trará uma fala sobre sua escolha de ser hippie e como é isto nos dias atuais. Trará contribuições deste movimento que inspira a juventude há décadas e, por incrível que pareça, é organizado. Numa organicidade que nos permite não nos envolvermos com o pessimismo generalizado, mas, com novas possibilidades de co-criação de realidade para lidar com o atual cenário que estamos vivendo no país.




Vamos conversar mais sobre isto? Com uma metodologia diferenciada, em duas sessões de temáticas diferentes, num palco onde haverá cadeiras vazias, para que os participantes saiam do papel de expectadores e assumam a fala ativa num diálogo de muitas vozes.

SERVIÇO
Delírios Utópicos em Recife
(Abertura do Festival da Grande Mãe) Quinta-feira | 29/11/2018
1ª Sessão: das 18h30 às 20h
2ª Sessão: das 20h30 às 22h
No Teatro do IMIP Rua dos Coelhos, 300 - Coelhos,
Recife Sessões com temáticas diferentes. Use o combo e vá nas duas!! PRIMEIRO LOTE ATÉ 18/11: Cada sessão: R$20,00 Duas Sessões (Combo): R$30,00

Os recursos arrecadados com este evento serão destinados à realização do Festival da Grande Mãe: Estamos organizados para receber sua proposta de atividade. Será um evento Open Space (Espaço Aberto), Autogestionado.

Veja o link na primeira publicação deste evento. #festivaldagrandemae #deliriosutopicosdeclaudioprado #deliriosutopicos #deliriosutopicosemrecife #movimentohippie #claudioprado #recife #pernambuco #teatroimip #dragondreaming #cocriação #gaia #crescimentopessoal #fortalecimentodecomunidades #serviçoaterra #maeterra #conscientização #amorincondicional


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Artistas Digitais: Laís Xavier

Bairro da Várzea da exemplo de solidariedade durante a pandemia do Covid-19

Mais de 260 filmes Pernambucanos gratuitos para assistir em casa