sexta-feira, 8 de junho de 2018

Artistas apresentam experimentos sobre soberania e poder no projeto Quem é o Mestre?

Iara Sales, Sérgio Andrade e Tonlin Cheng realizam mostra a partir da dança, da arte sonora e da filosofia política. Evento acontece, hoje, 08 de junho, no espaço Ceça.
Foto de Anette Carla Alencar.

Textos dos filósofos Thomas Hobbes (1588-1679), Carl Schmitt (1888-1985) e Jacques Derrida (1930 -2004) sobre o poder do Estado, soberania, imperialismo e colonialismo são matéria-prima para o projeto de pesquisa e criação Quem é o Mestre?, desenvolvida pelos artistas Iara Sales, Sérgio Andrade e Tonlin Cheng, que contou ainda com  a bailarina e coreógrafa Mieja Chang como assessora artística e preparadora corporal.

Foto de Anette Carla Alencar.
Através dos estudos sobre pensamento coreográfico, filosofia política e arte sonora, os artistas desenvolveram experimentos artísticos que serão apresentados ao público na mostra final do projeto. A apresentação será no dia 08 de junho, a partir das 19h, no Ceça, espaço localizado na Boa Vista, que vem abrigando uma série de atividades artísticas, debates e oficinas. A entrada é gratuita. O projeto Quem é o Mestre? tem incentivo do Funcultura / Governo de Pernambuco e está associada às atividades do Grupo de Pesquisa LabCrítica (UFRJ / CNPq).



Haverá uma mini-mostra de videodança, um bate-papo descontraído sobre “golpes de dança e de política” com a participação da Cia Etc., bem como   lançamento do livro Performar Debates: LabCrítica no Festival Panorama e outras dobras, de Sérgio Andrade e Silvia Chalub (Org.).  



técnica
Bailarina/Performer: Iara Sales
Músico/Performer: Tonlin Cheng
Orientador da pesquisa e Performer: Sérgio Andrade
Assessora artística e preparadora corporal: Mieja Chang
Idealização: Iara Sales, Sérgio Andrade e Tonlin Cheng
SERVIÇO
Mostra Quem é o mestre?, com Iara Sales, Tonlin Cheng e Sérgio Andrade
Data: 08 de junho, das 19h às 22h.
Local: Ceça - Avenida Manoel Borba, 339, Boa Vista.
Entrada gratuita

SOBRE OS ARTISTAS
Iara Sales é artista e pesquisadora da dança e da performance, produtora cultural e designer gráfico. Graduada em Licenciatura em Dança pela Escola de Dança da UFBA (2008) e graduanda em Design Gráfico pelo IFPE. Atualmente cursa a Especialização em Estudos Contemporâneos em Dança pela Escola de Dança da UFBA (2018) e faz parte do grupo de pesquisa do Laboratório de Crítica do Departamento de Arte Corporal da UFRJ.
Sérgio Andrade é artista e pesquisador de dança, performance e filosofia. Professor do Departamento de Arte Corporal da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). É doutor e mestre em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), mestre em Artes Cênicas e licenciado em Dança pela Universidade Federal da Bahia. Na UFRJ, em 2012, fundou o Laboratório de Crítica – projeto de pesquisa e extensão, dirigindo-o desde então, sendo também líder de pesquisa do GP LabCrítica (CNPq). Em Salvador, 2005, fundou o Grupo CoMteMpu’s – Linguagens do Corpo, atuando como diretor artístico, bailarino e performer até o ano de 2014. Em 2008, foi artista residente da fundação Lugar a Dudas (Cali, Colômbia). Em 2014 e 2015, foi visiting scholar do Hemispheric Institute of Performance and Politics e do Department of Performance Studies, New York University (Nova York, EUA).
Tonlin Cheng é arquiteto, músico e performer. Graduado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Pernambuco - UFPE.  Faz parte do grupo de pesquisa do Laboratório de Crítica do Departamento de Arte Corporal da UFRJ.Tem experiência como produtor musical, arquiteto, músico/performer, vídeo artista, pesquisador, barista, sushiman, marceneiro, pedreiro, padeiro, cozinheiro, dentre todos os “eirós” um biscateiro. Em 2018, como pesquisador e criador, desenvolverá a pesquisa artística Assepsia - Corpo Bactéria, em parceria com os artistas e pesquisadores, Adriana Gehres (PE), Iara Sales (PE), Flávia Pinheiro (PE) e Leandro Oliván (Argentina), com o incentivo do Funcultura.



Nenhum comentário:

Postar um comentário