quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Fotos produzidas por alunos da AESO em exposição sobre a juventude negra

Foto de João Oliveira


Trabalhos foram feitos especialmente para a mostra que é uma parceria com o Ministério Público de Pernambuco 

O Grupo de Trabalho de Combate ao Racismo do Ministério Público de Pernambuco (GT Racismo) está completando 15 anos de existência. Como parte das comemorações de aniversário, o órgão, em parceria com o curso de Fotografia das Faculdades Integradas Barros Melo (AESO), promove uma exposição fotográfica que tem como principal tema a “Juventude negra e sua realidade”.

A produção das imagens para exposição envolveu alunos de todos os períodos do curso. A ideia foi pensar em cenas originais, em sintonia com o tema e que tivessem diálogo com as discussões contemporâneas. Usando esses critérios de avaliação, os professores Eduardo Queiroga, Mateus Sá, Milena Travassos e Ricardo Marcelino selecionaram 14 fotos que estão em cartaz na mostra. "Os trabalhos escolhidos trazem uma diversidade de abordagens, uma riqueza de aspectos que merece ser destacada, principalmente, em face da temática abordada. Ficamos muito felizes com o convite do MPPE e com a resposta dos alunos que se empenharam nas suas produções", comenta Eduardo Queiroga, coordenador do curso de Fotografia da AESO-Barros Melo.
Foto de Lisa Cristine

Foram escolhidos trabalhos dos alunos Alice Xavier, Gabriel Vieira, Renata Viegas e Tarlyson Ferreira (coletivo do 1º e 2º períodos - selecionados com uma foto), Ivaneide Maria da Silva (4º período - uma foto), João Augusto Sousa de Oliveira (4º período - duas fotos), Murilo Dayo (4º período - uma foto), Suhellen Coutinho (4º período -duas fotos), Edwardes Machado (6º período - três fotos), Henrique Genecy da Silva (6º período - duas fotos) e Lisa Cristine (6º período - duas fotos).


Sobre o GT Racismo
Criado em 2002, inicialmente com cinco integrantes, o Grupo de Trabalho de Combate ao Racismo do Ministério Público de Pernambuco surgiu com o objetivo de construir estratégias de enfrentamento ao racismo através da discussão, sensibilização e capacitação de membros e servidores, a partir do conceito de Racismo Institucional e suas consequências na reprodução das desigualdades históricas que atingem a população negra. A ideia é possibilitar uma mudança de atitude nas práticas cotidianas dos integrantes da instituição. Atualmente, o GT Racismo é composto por 14 membros e servidores. Em reuniões mensais, o grupo discute e organiza seminários, debates, realiza estudos e oficinas de capacitação e sensibilização. 

SERVIÇO
Abertura da exposição fotográfica “Juventude negra e sua realidade”
Quando:
Horário: 8 às 18hs
Onde: Auditório do Centro Cultural Rossini Alves Couto

Informações: (81) 3303-1249

Um comentário:

  1. Fazendo apenas uma retificação, nas informações prestadas, de forma equivocada, por mim a este blog, quanto ao horário da exposição que é das 12 às 18hs.
    E complementando as informações quanto ao período da exposição que vai até o próximo dia 21/12..

    ResponderExcluir