quarta-feira, 21 de junho de 2017

4º Concerto Oficial da Orquestra Sinfônica do Recife

Foto: Lu Streithorst
No mês do forró, a música erudita pede passagem na programação cultural da cidade. Nesta quarta-feira, a partir das 20h, a sanfona vai dar lugar a violinos, tuba, trombone, contrabaixo e oboé, entre outros instrumentos, durante o quarto concerto da temporada 2017 da Orquestra Sinfônica do Recife. A apresentação, oferecida pela Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Cultura, é gratuita e aberta ao público.

O programa escolhido pelo maestro Marlos Nobre começa com duas grandes obras do compositor e pianista austríaco, Amadeus Mozart. A Sinfonia nº 41 em Dó Maior, K. 551 (Júpiter) foi composta rapidamente pelo compositor, durante o verão de 1788, sendo a última das suas 41 sinfonias. “Não é comprovado que esta sinfonia foi interpretada com o compositor ainda vivo”, diz  o mastro Marlos Nobre, para quem Mozart foi o maior gênio de sua época e um dos mais importantes autores de toda a história da música no mundo.
O segundo momento do concerto é a interpretação da abertura Fantasia Romeu e Julieta, primeira grande obra-prima orquestral do compositor russo Peter Ilyich Tchaikovsky, composta em 1869, quando ele tinha apenas 29 anos. “Após a estreia, em 1870 , o jovem Tchaikovsky fez uma profunda revisão na obra, trabalhando nela arduamente por dois meses, reescrevendo as passagens introdutórias em diferentes tonalidades e aperfeiçoando a seção do desenvolvimento e também o clímax final”, conclui o maestro.

Os ingressos serão distribuídos na bilheteria do teatro, a partir das 19h.

*Da Assessoria de Comunicação 

Serviço
4º Concerto Oficial da Orquestra Sinfônica do Recife
Quando: Quarta-feira, 21 de junho
Horário: 20h
Local: Teatro de Santa Isabel, Praça da República, s/n, Bairro de Santo Antônio
Informações: 3355-3322
Entrada franca


Nenhum comentário:

Postar um comentário