quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Silvério Pessoa e Almério comandam o #Cantautor nesta quinta (17)

Almério | Foto: Cintia Santana
Projeto que enfatiza a produção musical pernambucana passa a acontecer em novo endereço, o Terra Café Bar, no bairro da Boa Vista.

Referência em reunir cantautores da nova geração e também compositores importantes da música pernambucana, a websérie e mostra musical #Cantautor, a partir desse mês terá novo endereço. O evento passa a acontecer no Terra Café Bar (Rua Artur Orlando, 113, Boa Vista), outro reduto da música autoral do estado. Nesta edição os convidados são Silvério Pessoa e Almério que se apresentam a partir das 19h. O ingresso custa R$10,00.

Silvério Pessoa apresentará canções dos seus CDS autorais, o “Cabeça Elétrica, Coração Acústico” e o “No Grau”, executando ao violão as canções mais significativas que relatam sua visão de mundo e sua poesia híbrida, entre a zona da mata sul de PE (Carpina) e a metrópole. Ele também preparou canções que normalmente não são executadas com a banda, além das músicas compostas em parcerias, como 'Esta Cidade' com o poeta Marco Polo, 'Rara Beleza' com o piauiense Climério, 'Disposto a tudo' com Ivan Santos e 'Eu vi a maquina voadora' com o poeta Braulio Tavares. Momento único e oportuno para ver e ouvir Silvério Pessoa em suas origens menos visíveis. Na mesma noite, Almério também apresentará suas composições de forma mais singela e intimista. Acompanhado do músico Juliano Holanda, os cantautores mostrarão canções suas e parcerias com outros compositores.

A programação continua com o mesmo formato. Começa com a exibição de um episódio inédito da websérie que deu origem ao projeto, e em seguida dois shows autorais ao vivo”, explica a jornalista e idealizadora do Cantautor, Elayne Bione. “Esta parceria com o Terra Café Bar se fortalece, uma vez que não poderíamos deixar de contribuir com esta onda de espaços abertos para os compositores independentes, principalmente latino-americanos”, afirma Alex guterres, músico e também diretor da websérie.

Serviço:
#Cantautor – Silvério Pessoa e Almério
Quinta-feira, 17 de novembro, 19h
R$10

Terra Café Bar - Rua Artur Orlando, 113, Boa Vista

Sobre o projeto - A websérie #Cantautor é uma pesquisa audiovisual idealizada em 2014 pela Dozão Produções. Produzida de forma colaborativa e independente, com direcão da jornalista pernambucana Elayne Bione e pelo músico Alex Guterres. Todos os episódios ficam disponíveis online no canal do you tube (www.youtube.com/dozaoprod). A primeira temporada, exibida em 2015, é composta por Vertin Moura, Juliano Holanda, Helton Moura, igor de Carvalho e Alex Guterres. Esta segunda temporada tem o conceito sulamericano, com o objetivo de abrir conexões com os países vizinhos. Estão presentes músicos do Chile, da Argentina e do Uruguai. Além do conteúdo audiovisual, o projeto promove uma Mostra Musical com shows ao vivo logo após a exibição

O episódio que será exibido na estreia do Cantautor no Terra Café tráz o cantautor uruguaio El Gavilán, que recebeu a equipe pernambucana de gravação na cidade de Montevidéo, no Uruguai, em novembro de 2015. As entrevistas foram feitas pela jornalista Elayne Bione e pelo cinegrafista e músico Alex Guterres. Ao longo da entrevista, o cantautor comentou a importância de estar conectado com os demais países da América Latina, suas experiências de fazer música pelo mundo, além das influências nas suas composições. A segunda temporada #Cantautor é composto por seis episódios inéditos, gravados no Chile, na Argentina e no Uruguai. Fazem parte desta temporada os cantautores Nano Stern, El Gavilán (URU), Florencia Nuñez (URU), Ezequiel Borra (ARG), Benito Malacalza (ARG) e Sofía Viola (ARG).

Silvério Pessoa - Nascido em Carpina, radicado no Recife, ele foi criado no meio do povo, fez de seus trabalhos uma referência à linguagem, aos modos e costumes da gente pernambucana, seja da Mata Norte, Agreste ou Sertão. Mas é a alma nordestina quem lhe norteia. E inspirações não lhe faltam nunca pra misturar ciranda com baião, forró com maracatu, com referências e reverências a grandes artistas, como o alagoano Jacinto Silva e o seu coco de roda. Mas quem esperar de Silvério um som ultrapassado, esqueça. É essencialmente contemporâneo. Ele dialoga com rock, pop, punk. Um verdadeiro sincretismo musical de tudo o que ele vê e ouve por aí, acompanhando os 8 discos gravados desde o início da carreira solo. Um voo nada solitário pelo planeta música.

Almério - O cantor de 35 anos se redescobriu após anos de teatro  e começou a carreira aos 23 anos, em Caruaru, no Teatro João Lyra Filho. O primeiro trabalho autoral dele “Almério” (2014) ganhou prêmios como o Cata-vento, da Rádio Cultura Brasil (SP). Desde 2004, ele já se apresentou no Festival de Inverno de Garanhuns, no Abril Pro Rock, no Festival Pernambuco Nação Cultural. Ele também fez participações em shows de artistas como Zélia Duncan, Elza Soares, Paulinho Moska, Mariana Aydar, Arnaldo Antunes e Luiza Possi, no "Maior Baião do Mundo". Em 2015, fez turnê por cinco cidades do Nordeste (Maceió, Arapiraca, Fortaleza, Caruaru, Recife e João Pessoa) e se apresentou no São João de Caruaru. Com o projeto "BabyBárbara", ao lado do artista Geraldo Maia, eles interpretaram canções de Caetano Veloso e Chico Buarque. Atualmente vem viajando o interior do estado ao lado do músico e compositor Juliano Holanda com o projeto Corre-Campo onde ambos apresentam suas composições.

Nenhum comentário:

Postar um comentário