Projeto Noite dos Mestres do Apito realizará segunda live cultura com os mestres de maracatus

 


Programação será transmitida exclusivamente pela internet, dia 26 de dezembro, a partir das 19h, com a participação de mestres e contramestres de maracatus de baque solto da Mata Norte do estado de Pernambuco

 

No próximo dia 26 de dezembro, o projeto Noite dos Mestres do Apito  terá um novo encontro com o público internauta e admiradores da cultura popular pernambucana. O evento receberá o mestre e poeta popular, Veronildo José dos Santos, do Maracatu Cambinda Brasileira, do Engenho Cumbe; e também, o mestre da nova geração, Gabriel Silva, do Maracatu rural Leão Faceiro, ambos de Nazaré da Mata, na Zona da Mata Norte do estado. 

 

A programação, de valorização à arte do maracatu de baque solto, será transmitida, exclusivamente, pelos perfis oficiais do projeto, disponível no Facebook e Yotutube, além do blog Giro Mata Norte, a partir das 19h.  Por lá, o público vai poder acompanhar a participação dos mestres, entoando loas, marchas, sambas e galopes, acompanhados de ternos (orquestras de sopro e percussão).  Para evitar o risco de contaminação à covid-19, a organização do evento restringiu as apresentações apenas aos mestres e contramestres de maracatus, além de implementar todas as exigências sanitárias, como uso de máscaras, álcool e distanciamento social. 

 

Cilda Trindade é responsável pela coordenação e produção cultural do evento, que tem o incentivo do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura PE), e apoio do Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria Estadual de Cultura e Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco - Fundarpe. Além disso, são parceiros da iniciativa, a Prefeitura de Nazaré da Mata, Sociedade Musical Euterpina Juvenil Nazarena (Capa Bode) e portal de notícias, Giro Mata Norte.  

 

O projeto Noite dos Mestres do Apito encontra-se na segunda edição. Iniciado no mês de novembro, a programação conta com quatro apresentações culturais, sendo uma a cada mês. No dia 30 de janeiro, será a terceira live cultural. Na ocasião, participará o Maracatu Águia Misteriosa de Nazaré da Mata. E, para encerrar a programação das lives culturais, em fevereiro, o projeto recebe o Maracatu Estrela Brilhante de Nazaré da Mata. 

 

Biografia dos mestres:

 

Mestre Veronildo Jose dos Santos, de 46 anos, nascido e criado na zona rural de Nazaré da Mata, na Zona da Mata Norte do Estado, é um dos ícones da cultura de raiz . Conhecido como o “tubarão da cultura", iniciou sua carreira no Boi de Carnaval Palmeira, sediado no engenho Camarazal, área rural de Nazaré da Mata.

 

No ano seguinte, foi convidado pelo mestre João Paulo, o papa do maracatu, para integrar o Maracatu Leão Misterioso de Nazaré da Mata. Lá, consolidou sua marca cultural e artística, ganhando admiração, prestígio  e reconhecimento do público. 

 

Em mais de duas décadas, envolvido com a arte de animar o público com sua voz forte e a combinação de versões e poesias feitos de improviso, mestre Veronildo, com é conhecido, tem uma trajetória cultural muito importante.

 

Na sua biografia artística, ele pode participar de várias agremiações, como o Maracatus Estrela Dourada de Buenos Aires; Estrela Brilhante de Nazaré da Mata; Águia Misteriosa de Nazaré da Mata; e Estrela de Tracunhaém.

 

Atualmente está como mestre do Maracatu Cambinda Brasileira, localizado no Engenho Cumbe, de Nazaré da Mata. O grupo è Patrimônio Vivo de Pernambuco, e há mais de cem anos desfila no carnaval pernambucano, do Brasil e do exterior.  

 

Mestre Gabriel Barbares da Silva, conhecido como Gabriel Silva, está entre os novos nomes da geração de mestres da cultura popular do maracatu rural, que anda fazendo sucesso na região. O jovem, de origem humilde, vivenciou sua infância nas terras de Chã de Camará, área rural do município de Aliança, na Mata Norte.

Foi lá, que, a partir de sua vivência cultural e artística,  encontrou o caminho para se inserir no maracatu rural, observando a apresentação de mestres como Zé Duda, que por décadas cumpriu, brilhantemente, seu papel de poeta da cultura popular no comando de sua caboclaria e demais bricantes.

O local de chão batido, às margens da PE-62, que liga as cidades de Aliança e Condado, na Mata Norte,   povoado por agricultores e cortadores de cana-de-açúcar, é sede de uma das mais importantes agremiações carnavalescas do estado, o Maracatu Estrela de Ouro.   

A partir desta vivência cultural e da sua minuciosa observação, já auge dos seus 12 anos, mestre Gabriel Silva começou a participar ativamente dos eventos culturais. 

Sua primeira oportunidade como mestre surgiu no Boi Estrela de Aliança. Sua passagem pela agremiação, que é famosa por desfilar no carnaval da cidade e da região, durou cerca de quatro anos.

Com o decorrer dos anos, recebeu convites para participar de vários maracatus, além de ensaios, encontro de mestres, sambadas, roda de mestres, entre outros eventos culturais.

Já na fase dos 30 anos de idade, atualmente,  representa à nação do Maracatu Leão Faceiro de Nazaré da Mata. Agremiação que ele tem a honra  e orgulho de participar.

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ACÚSTICO IMAGINAR

“CONFISSÕES URBANAS” UM EXPERIMENTO CÊNICO DIGITAL

FESTIVAL DE TEATRO DE IGARASSU ESTÁ COM INSCRIÇÕES ABERTAS